27 de mai de 2010

Ahhhh, não!

Um dia, depois do meu curso (de 7 hrs aos 18 hrs) peguei o ônibus. Estava lotado, mas mesmo assim consegui um lugar. Estava muito cansada, e a única coisa que queria era chegar logo em casa!
­
Até que entrou uma senhorinha e não tinha mais nenhum lugar para ela sentar, logo veio a minha cabeça:" levanta!". Minha resposta: " Ahhhhh não!". Achava que um outra pessoa daria um lugar para ela. Ninguém deu.
­
E então aquela mesma voz disse:" Onde está o seu amor pelo próximo? Onde está o seu amor ardente? Não é isso que você escreve? Como você pode contrariar o que você mesma diz?". Fiquei pasma.­

Logo compreendi uma coisa: Deus estava pedindo para mim, não para os outros, era um dever meu, e se caso eu não obedecesse... bom, estaria desrespeitando meu próprio Pai. Levantei imediatamente, o sorriso da moça foi de "orelha a orelha". Ela fez questão de ser o mais simpática possível, pediu para segurar meus cadernos... e não deu nem 10 minutos e a moça que estava ao seu lado levantou. Logo, ela disse assim:" Aqui minha filha, toma seu lugarzinho."
­
Nós fomos conversando o caminho inteiro! Conseguia sentir a tamanha felicidade do Espírito Santo, afinal, eu tinha escutado a voz de Deus, e também, tinha obedecido.
­
É exatamente isso que Deus faz, esse é só um pequeno exemplo. Eu levantei, mas logo em seguida, Ele deu meu lugar de volta e ainda uma moça muito simpática para conversar. Ele pede, mas quando você escuta e obedece, Ele dá o que era seu de volta e não somente isso, Ele dá muito mais do que você pede. (essa palavra tocou forte no meu coração!)
­
Se todos nós obedecêssemos a Deus, bem... nossa vida já estaria lá na frente. Não é fácil você entregar algo que tenha valor para você, não é fácil entregar algo que você tenha ciúmes, ou que você é apegado. Mas é isso que Deus quer de você, Ele quer que você O obedeça. É difícil, mas a recompensa é muito maior.
­
Faça um teste com Deus, peça a Ele para te provar isso, e então, escute a voz Dele e o obedeça. Acredite, você vai se surpreender! (eu me surpreendi!)

Nenhum comentário:

Postar um comentário