22 de abr de 2010

A vida exemplar cristã: deveres para com os não-crentes

" Porque assim é a vontade de Deus, que, pela prática do bem, façais emudecer a ignorância dos insensatos" (Pedro 2;15)

Ame seus inimigos. Uma frase tão fácil de falar e tão difícil de praticar. A verdade é, nós temos dificuldades, sim, para perdoar nossos inimigos, agora, se nós temos dificuldade para perdoá-los imagine para faze-los bem? nós simplesmente, não vemos motivo algum para fazer bem ao nossos inimigos, ora, você pensa que eles sabem que estão sendo usados pelo diabo para te fazer mal? você acha que esse sentimento ruim que ele tem por você surgiu do nada? é claro que não!

Lembro, que quando era mais nova, eu perdoava da boca para fora, e sempre retrucava com a "mesma moeda", não importava quem tinha sido ou se já havia me pedido desculpas. Hoje consigo enchergar o quão mal fiz aquela pessoa e a mim mesma. Se Deus diz que devemos querer o bem a eles e os desculpar, como uma filha Dele não obedece a isso?

Então só depois de um tempo consegui enchergar o que Deus queria dizer com isso "façais emudecer a ignorância dos insensatos" ou seja " cale a ignorância dos insensatos" entendeu? como queremos que eles calem sua ignorância se não mostramos que somos diferentes? impossível!

Mas como vamos conseguir cumprir essa tarefa tão difícil? se somos tão falhos como vamos conseguir fazer a vontade de Deus? simples, praticando. É difícil? demais! mas uma vez, Deus vendo seu sacrifício, Ele te dará forças para agir da maneira que Ele quiser, ou seja, sacrifique.

Nenhum comentário:

Postar um comentário